Inscreva-se para receber atualizações

© 2020 por Rede de Pesquisa Clínica e Aplicada em Chikungunya (Replick)

Replick realiza visita de iniciação ao centro de Dourados/MS

A equipe de coordenação da Rede de Pesquisa Clínica e Aplicada em Chikungunya (Replick) realizou ontem, 18/12, visita técnica de iniciação ao centro de pesquisa de Dourados/MS, o Laboratório de Pesquisa em Ciências da Saúde (LPCS). O estudo em Dourados é coordenado pelos pesquisadores Fábio Negrão e Márcia Shinzato.


A visita de iniciação, coordenada por Giselle Duarte e Mariana Simão, visa preparar os centros para iniciar o estudo da história natural da Chikungunya e consiste em treinar a equipe dos centros sobre os processos da pesquisa, desenvolvimento do fluxo de atendimento do participante, reuniões técnicas e verificação da estrutura. "A visita deixa a equipe do centro apta a iniciar o estudo", disse Mariana Simão.


O LPCS da Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD) trabalha em parceria com o Hospital Universitário (HU-UFGD), a Unidade Básica de Saúde Ramão Vieira e a Unidade de Vigilância Epidemiológica. Todos as unidades envolvidas no estudo foram visitadas.


A história natural da doença é o conjunto de processos que busca compreender a progressão ininterrupta de uma doença em um indivíduo desde o momento da exposição aos agentes causadores, até a recuperação ou a morte. O estudo abrange desde o estímulo patológico no meio ambiente, até a resposta do homem a doença.


A Replick é uma iniciativa coordenada pelo Instituto Nacional de Infectologia Evandro Chagas (INI/Fiocruz).


Confira imagens da visita:





Texto: Caroline Soares

1 visualização